Mais amor / Menos selfies

Leave a comment
Share
No_selfies.svg

Um dia desses algo me chamou atenção. Encontrei amigos, conversamos, comemos, nos divertimos, ficamos horas juntos e não tiramos nenhuma foto.

No outro dia reparei e pensei: – Que maravilha.

Muita gente pode não entender, mas o fato de não termos tirado nenhuma foto, para mim significou como se estávamos tão bem, tão em paz, curtindo o momento que não pensamos que precisaríamos registrar para lembrar daquele dia.

Você pode estar pensando que eu não gosto de fotos, mas muito pelo contrário, eu amo fotos. Adoro registrar momentos, porém penso que hoje estamos vivendo em mundo que é mais importante registrar, publicar, compartilhar, ter curtidas, do que de fato viver o momento.

Muitas vezes em alguma foto a pessoa nem estava feliz, mas se teve muitas curtidas, pronto, já valeu a pena, porque a pessoa não estava feliz, mas alguém pensou que ela estava. Com isso, o valor atual é o outro achar que estamos felizes.

Isto é, estamos vivendo em um mundo que é mais importante o outro pensar que estou feliz do que eu estar de fato.​

Então, por mais que pareça estranho, o fato de eu ter convivido horas com amigos, me divertido, aproveitado o dia, mas ninguém ter pensado em parar para tirar uma foto foi algo fantástico, pois todos estavam vivendo aquele encontro e vamos guardar em nossas memórias.

Já faz um tempo que a minha foto no facebook é um guardanapo escrito: “Take a moment not a selfie”, foi uma maneira que encontrei de tentar fazer as pessoas pensarem um pouco. Não acho que possa ter ajudado muito, mas…

Eu fiz isso, pois tenho amigas que tiram mais de 300 fotos para conseguir uma para o perfil nas redes sociais. Com o ângulo melhor, que esconda tudo que não gosta, usam filtros, além das maquiagens e produções.

Acho legal tirarmos fotos, porém acho que vale refletir: Não estamos exagerando? Essa foto é para eu guardar de recordação? Ou é apenas pensando de tirar fotos para meus amigos morrerem de inveja? Verem como sou feliz, linda e melhor que os outros?

Escrevi este post para pensarmos em viver para nós. Não precisamos que os outros pensem que estamos felizes. Por trás desse desespero por compartilhar o que se esta fazendo e esperar curtidas, tem muita insegurança e outras questões a serem pensadas.

Acho que podemos compartilhar o que achamos bacana, mas acho que vale refletir antes de postar. Pensarmos: Para que estou publicando esta foto? É um momento que achamos válido e queremos compartilhar com amigos? Ou seria apenas por exibicionismo?

E sinto muito em dizer, mas muitas pessoas quando visualizam sua foto feliz, não ficam feliz por você.

A maioria fica com inveja ou com vontade de postar uma foto ainda mais “feliz” para mostrar que é mais “feliz” que você.

É como se fosse uma competição e que as vezes a pessoa nem percebe que está competindo. Quando vê, ela já está pensando em ir em algum lugar para poder tirar fotos e postar nas redes sociais.

Pense se você já fez isso. Pense se você está nessa competição. Reflita se precisamos disto?

Desafio: Sair e não se preocupar em tirar fotos, olhar em volta, olhar para as pessoas e ser feliz sem pensar que os outros precisam saber disso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.